Fuse

Tolerância Zero

LYRIC

[Verso 1]
Atentado brutal contra a farsa…
Chacina mental como um chupacabra
Estou farto, esgotado do fraco jornalismo praticado
Que promove o impacto
Somos vítimas do telelixo barato
Temos vários canais mas só um é aproveitado
É a TV Crânio… a rede nacional de emissores de pensamento em troca de revolta
Enveneno-vos com versos como cianeto
Abnego a ser boneco, tolerância zero!
Quem é que tem o controlo nos media?
Quem é que domina a interação com a política?
Tu e eu somos alvos mediáticos
A comunicação envolve interesses planetários
É o extermínio, de emissoras e gazetas
Que deturpam a essência da nossa ciência
Dedico esta rima aos assassinos na estrada
A morte tá à espreita e vai-se rir na vossa cara
Ao volante de um máquina a moral fica em casa
Condutores sem valores merecem pena máxima
Ligações perigosas…
Contribuímos para um governo que nos fode pelas costas
É a era do racismo económico
Tatuam o povo como um carimbo na pele de um porco
[Refrão]
Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

[Verso 2]
Invasão, corto a energia à conversa de treta na tv
Em debates não manjam merda
Somos definidos como contra-cultura
Qual é a tua? Cala-me a boca filho da puta
Vocês não manjam nada disto…é absurdo
Do tipo, o Jardel conseguiu escrever um livro?
Musica de intervenção? Não, isto é foda explícita!
Litros de esporra na má crítica
Perfuro como uma Black&Decker em crânios
Faço mais buracos que o orçamento do estado
Só vejo empata fodas, com histórias de embalar
Como substâncias psicotrópicas
Ataco com blasfémia a questões de merda
Já passei a fase em que tinha paciência, prá ignorância
Chegou a altura da resposta excessiva
Atacamos com a poderosa máquina
Explosão nervosa
A individualidade é que nos torna numa sociedade perigosa
Prova a minha onda de choque, sente o toque, engole…
Só vejo Ministars no microfone!
Putos vivem em filmes, apreciam o som
E não captam que a boca é p'ra eles
Profissional cósmico, assenta o tópico
Tolerância zero é o meio que decreto!
[Refrão]
Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

Tolerância zero é o meio que decreto!
Trago pena máxima no som que te injeto!

Added by

admin

SHARE

About "Tolerância Zero"

?

Tolerância Zero Track info

Video