Sem Pauta

Reticências

LYRIC

(ROCHA)

Eu tive toda certeza do mundo
Que poderia ser tudo que eu quisesse
Muito calmo
Soluciono os enigmas
Que andam me rodeando
Acendo uma vela
Faço uma prece
Esse mundo me enlouquece
É cheio de exclamações
As vezes acontece
De eu ser uma delas
Parei pra me encontrar
E o meu eu sempre me esquece
Eu prefiro ser do que ter
Me ensinaram o meu valor
Rever, olha só
É o início pra desvendar
Todos esses problemas
Que eu custei pra obter
Sem ao menos eu querer
Sem ao menos eu buscar
Na dor aprendi tudo que eu sou
É a maneira mais difícil de aprender
Sem querer eu também tava lá pra ensinar
E olha tudo que gerou
Rabisquei todos erros pra mim ser
O que nenhum de vocês conseguirá apagar
Essência, meus sonhos
Batalhas da vida real
Meu espiritual eu tive que elevar
No peito tive que levar meus orixás
Que fizeram eu ver o meu interior
Esse mundo é um coliseu
Matei muitos leões
A estrada não é fácil
E vi que vivência se aprende na dor
(NOMA)

SP tá contando
Pra ver quem
Que conta os mano
Pra ser quem vai bolar os planos
Pra ter o que eles não vão ter na vida em menos de um ano
Pra ter o que eles não vão ter na vida em menos de um ano
Conseguir não é só ficar tentando, tio
Persistir não é só fica rezando, tio
O DDD é 011 e não adianta ficar ligando
Me acionaram lá no Sul e eu vim trampando, porra
Me ligaram lá do Sul e eu vim voando, porra
Pra pia lá no norte
Manjar do ramo
Aqui no oeste se divide
Entre quem fala
Quem sabe
E quem tá lucrando
Então pensa de qual cê faz parte
Porra!!
De qual divisão cê faz parte??
Dos cara que chora
Os mano que reclama
Que só observa
Ou as mina que late
Se pede pra ir embora
Então fica na lama
E que ele erre
E não alcance minha classe
(MATOS)

Eu tenho todas as fichas
To com todas as cartas na manga
Aposto em all win
É nós por nós
Entre as linhas
Destilo o veneno em quem quer o meu fim
É só o começo, chefe
Degrau por degrau
Porque hoje é sem blefe
Mil graus nesse inferno
E essas almas ruins
Só padecem
Eu vim de onde o tempo corre
E os menor tão voando
Sem fazer questão
De questões hediondas
As aves mergulham
Pra elas é o céu
Eu me vejo em Sona
Somando problemas
Desavença em temas
Que eu nem quero citar
Eu queria só ela
Um do hash
Uma cerva
Nós dois de frente pro mar
E eu quero me jogar
Que o mundão tá maluco
E sugando o ar do meu peito
Sugando o dinheiro
E o tempo que eu não tenho
E ultimamente eu não to tendo nada
Só me resta a vontade
Do sonho, da casa, do carro
E DA VIDA AVANÇADA!
Em tempos de crise eu sei
Né, meu chapa
Ninguém se dá conta
Se fosse só por mim
Eu já tinha tudo
E a mala tava pronta
Eu não sei pra onde
Talvez sem destino
E pra longe
Que assim seja
E que o caos urbano
Cicatrize os anseios do homem

Added by

admin

SHARE

About "Reticências"

?

Reticências Track info

Video