​niLL

BlacK Resistência

LYRIC

[Intro: niLL]
Por que, por que
Por que que os preto não pode
Por que que os preto não pode
Por que que os preto não pode
Porta os bagui do louco
Sorriso no rosto, dente de ouro
Tudo sujo de molho
Por que que não pode

[Verso 1: G.U]
Por que, por que, por que
Porque que os preto não pode
Por que, por que, por que
Por que que os preto não pode
Nóis vira as esquina, solo cowboy
Na fita cassete, mão pra cabeça
Seu tom é de Toddy, suspeito pra sempre
Escravo do ventre, sobrevivente
Desde a corrente, canela cinzenta
Entupindo cinzeiro, lotando puteiro
Enfeita o cabelo, rebola pro mundo inteiro
Negraxa, nóis quer dinheiro
Saímos da lama, é blunt que queima
Na Babilônia os pretos que reina
Chicote nas costas, virou pra carteira
Mas nóis tá firmão, negraxa
Pra afundar as magoas
Desce mais Catuaba
Divide o banquinho com os beck nos dedo
É roda de samba que agrada
Não dá pra entender, não dá
Não dá pra esconder, não dá
Se não fosse os problemas da vida
Que fortaleceu a nossa subida
Sound Food agora fodeu, solta as nota pá nóis
Liberdade, liberdade, liberdade
Liberdade, liberdade, liberdade

Added by

admin

SHARE

About "BlacK Resistência"


Novo no Genius? Crie sua conta, conheça a comunidade e saiba como utilizar o site em nossos guias.

BlacK Resistência Track info

Video