LYRIC

Andar sozinho o caminho do destino e ainda muito louco
Foi assim no fim pra mim não depender dos outro
To no náufrago. Calvário. Peixe fora do aquário
Eu sou o lagarto mais perverso desse esgoto todo
Escolhi vários caminhos. Perseguido como ateu
Ser seguido igual judeu, logo eu filho de Orfeu
Queimo os planos sociais sem tua falsa amizade
Deu distúrbios pessoais me livrar da sociedade
A verdade é que a mentira gira em torno da maldade
Mal da idade é não temer mortalidade
Numa ilha mais ao norte da fronteira com a morte
Pensamentos obscuros nesses 3 lados do muro
Violento inseguro dentro de um Opala escuro
O cachorro barulhento é o que menos morde
Quero a força da manopla que controla o infinito
Muitos manos vão embora quando a porta faz ruído
Meu demônio tá doente. Nunca queira andar comigo
Seu neurônio não entende a bondade do bandido
Tenho trampo incompleto quero ter quase 2 mil som
Vou sozinho em mar aberto me sentindo Sr Wilson
Conhecido no inferno como estrela da manhã
Vivo onde os anjos morrem pelo fruto da maçã
Vã filosofia cria todo dia uma heresia
O mais prego paga mico tipo um cego fã

Tenho a marca do eclipse do fim do mundo
Animal ensandecido mais que o Edmundo
Um difunto tão maldito perambulo o infinito
Corro longe de quem paga só de "tamu junto"
Textos tão subliminares formam um povo bestial
Qual o mal que se esconde na vantagem pessoal?
A distância entre a ânsia e o morrer pela ganância
Faz a massa viciada se afogar no próprio mal
Onde os fracos não têm vez é o local dessa morada
Nada muda a cicatriz. Já nem me lembro que fiz
Dar ouvidos pra pilantra foi minha maior cagada
Hoje acaba meu contrato no estágio de aprendiz
Acelero no circuito expelindo todo ódio
Sou a temporada inteira tu apenas episódio
Mais drogado que soldado num combate derrotado
Elevado no outro estado propagando meu legado
Me acabando no poder concedido pela vida
Te atacando pra saber o sentido do que rima
Inimigo sem abrigo. Sou o que gera o conflito
Som aflito foi escrito em recortes de papiro
O final dessa estrofe fode todo o holofote
O mais forte brilho raro vem do olho de quem sofre
Não adote ideia torta. Pros cuzao eu fecho a porta
Me acabando mais de amor que de dores por cirrose

Added by

admin

SHARE

About "Kaneda"

?

Kaneda Track info

Video